O jogo – deles

Pois bem, meus amigos há muito me falam de um livro, o título desse post,  O jogo, a bíblia da sedução. Li o livro e realmente tem umas coisas interessantes, como por exemplo a melhor técnica do mundo para se desclocar entre multidões, vocês nunca vão imaginar. No final do post eu conto qual é.

Mas, enfim, o livro fala sobre a interação entre as pessoas e, mais especificamente, sobre dominar algumas técnicas para seduzir as mulheres, mas tem coisas que servem pros dois sexos, pelo que pude notar. O livro conta a história de um jornalista que entrou nesse mundo da sedução, tipo uma seita ou coisa assim, com vários códigos e sinais a serem percebidos e uma postura correta de “jogador”.

O livro é baseado numa história real e o cara realmente se deu bem.

Mas eu não sei, acho que não é  só ser bonito, usar roupinhas descoladas,  ter um carro legal e uma postura bacana que vão me convencer. Muitos do que eu li me pareceu aqueles caras prepotentes que a gente olha e pensa: coitado, acha que ta abalando.

Mas o livro também mostra como lidar com as sensações e o cérebro das pessoas, e aí que tá o legal, poque é muito  superficial encontrar alguém com as características antes mencionadas, o exemplo de macho perfeito (hahaha, piada né?). Quanto cara gato tu não troca duas palavras e até queria desenvolver mais, mas ali é só beleza, sem capacidade mental muito evoluida. Nada que passe do será que chove? e o inter ein? Aí não dá.

O melhor e  mais envolvente, aprendam isso, homens, não é aparência, muito menos dinheiro (não me importaria de pegar um bus com o Santoro), é associar fatores internos, do tipo emoções que a pessoa provoca na gente, um olhar, um toque, qualquer coisa. Vocês podem não dar muita bola para isso, mas se for pra conquistar, essa é a dica, porque as mulheres percebem tudo e o cérebro registra essas emoções e associa à coisas agradáveis em relação à pessoa.  Por exemplo, segurar a mão passa confiança, falar olhando nos olhos, tem coisa mais sexy?

O negócio, então, não é seduzir, no sentido enganador da palavra, mas, sim, atrair, de um jeito natural, prestando atenção nos detalhes.

Eu tenho uma amigaaa… ahã… que conhece um cara que desperta nela as maiores loucuras só com o olhar.

Mas é mais fácil pra vocês criarem um empreendimento milionário do que usar o cérebro né?  Homens… ainda precisam de um livro pra explicar…

Anúncios
Etiquetado ,

2 pensamentos sobre “O jogo – deles

  1. ANA disse:

    Não conteiiii a técnica!! Gente, é pelo cotovelo, um lugar imparcial e livre de tabus!! sério, é mágico, experimentem! Uma festa, shopping, qualquer tipo de furdunço, adoro essa palavra, furdunço! hahaha
    Vai cotovelo por cotovelo tirando as pessoas da tua frente, elas saem da tua frente, não se ofendem e tu passa, como se fosse moisés na abertura do mar vermelho!!

  2. igor disse:

    eu li esse livro..usei umas tecnicas e comi varias minas..se bem q eram tudo vagabundas, mas posso dizer q funciona…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: